Dicas de Como Convencer Seu Cônjuge a Fazer o Workshop Choices

Os casais sempre percebem quando estão precisando melhorar algumas questões nos seus relacionamentos, porém, nem sempre ambos decidem buscar ajuda ou, se decidem, muitas vezes isso não ocorre no mesmo momento para os dois. E essa decisão conjunta, no momento certo, é essencial para que o casal consiga realmente resolver os seus conflitos a tempo de manter a sua união, pois quando isso não acontece no tempo certo, esses conflitos tendem a acumular e a enfraquecer o amor de ambos. Afinal, o que faz os casais se unirem e desejarem compartilhar as suas vidas é o prazer em estar junto, certo? É este prazer com a companhia do outro que o faz pensar: sim, é esta pessoa que eu amo e com quem quero viver. Mas quando esses momentos de prazer começam pouco a pouco a serem acompanhados por muitos sentimentos de tensão, irritação, críticas constantes e principalmente, mágoas, como continuar sentindo o mesmo amor? Será que ele desaparece? Ou apenas enfraquece? Podemos dizer que ele começa a ficar abalado quando começa a ser acompanhado por conflitos muito constantes. É normalmente nesse momento que um dos parceiros decide buscar ajuda profissional. E a importância de ambos decidirem fazer terapia nesse momento é para que os sentimentos de prazer e amor não deixem apenas de ser acompanhados por sentimentos e emoções negativas, mas que não corram o risco de serem substituídos por eles….pois nesse caso pode ser realmente tarde demais. E não é isso que queremos, portanto seguem diversas dicas que poderão ajudá-los a convencer o seu marido ou esposa a participar do workshop Choices:

1.O workshop foi desenvolvido tanto para casais que desejem amenizar conflitos como para casais que estão indo bem e portanto desejam apenas proteger e prevenir o seu relacionamento contra conflitos que possam surgir com o convívio. Porque acredite… eles sempre surgem.

Você sabia que nos Estados Unidos as pessoas encaram e buscam conhecimentos de psicologia como uma forma de desenvolvimento pessoal e melhoria da qualidade de vida? Os americanos entendem, mesmo que superficialmente de diversos conceitos de psicologia, que os ajudam a lidar melhor com as diversas situações. E sim, eles realmente contribuem para uma melhor qualidade de vida.

2. O mais comum é que as pessoas que não compreendam como esse workshop pode realmente solucionar, amenizar e prevenir os conflitosaumentar a satisfação do casal com a relação . Então, uma das primeiras dicas que você entenda e faça o seu cônjuge entender qual é exatamente a proposta. Explique a ele(a) que, o objetivo geral, é encontrar uma forma de resgatar ou construir algumas coisas que fazem falta no relacionamento. É também uma forma de identificar as causas de alguns conflitos e buscar soluções para que ambos fiquem satisfeitos com casamento. Essa explicação simples pode ajudá-lo(a) a diminuir a resistência sobre o assunto. Além disso, o método utilizado ( MASP) é um método utilizado de forma eficiente no mundo todo e foi justamente por essa eficiência que ele foi adaptado pelo Choices , de forma exclusiva, para ser aplicado aos relacionamentos.

3. Relembre com ele(a) bons momentos que passaram juntos e que já não existem mais. Comente e e seja clara(o) sobre algumas questões da relação que você sente que precisariam ser modificadas ou apenas melhoradas.

4. Seu parceiro(a) pode sentir que você está querendo que ele mude ou sentir que você o(a) está culpando pelos problemas da relação. Lembre-se sempre : por mais que você saiba que ambos tem certa responsabilidade pelos conflitos, evite culpar apenas o seu parceiro(a) pela necessidade de buscar ajuda. Mostre a ele(a) que você também percebe seus erros e falhas e deixe claro que você acha que ambos talvez precisem compreender melhor o que acontece, não custa tentar, não é verdade? Se você não fizer isso o seu parceiro poderá entender que você o está culpando por tudo e poderá ficar ainda mais resistente.

5. Importante: esclareça ao seu parceiro(a) que buscar esse conhecimento não significa fraqueza, de jeito nenhum, mas sim sabedoria, humildade e inteligência em perceber e aceitar a ideia de que , assim como ele(a) pode ser profissional em alguma área e pode contribuir com o que sabe, é compreensível que um profissional com experiência em relacionamentos também tenha muito a contribuir nessa área, certo?

6. Seu parceiro(a) pode ser mais reservado e também dizer que não quer “ficar falando da sua intimidade em um workshop”. Nesse caso, explique a ele(a) que o em nenhum momento nenhum de vocês precisará falar nada sobre o relacionamento de vocês. O mapeamento e identificação de conflitos proposto no workshop será feito em casa, por vocês dois, e apenas vocês terão acesso a essas informações.

7. Leiam sobre a proposta juntos (link no final desse texto) e se tiverem quaisquer dúvidas entrem em contato pelo site. Faça com que ele(a) também se envolva nesse processo de decisão.

8. Ele(a) também poderá dizer “Eu não acredito que funcione”. Nesse caso, leia mais informações sobre a proposta do workshop, e ligue ou envie um email tirar dúvidas ou saber mais sobre os seus principais benefícios. Se achar necessário, se informe também sobre o método MASP de solução de problemas e a lógica pela qual ele realmente funciona.

9a. Caso ele(a) diga que não vê necessidade de participar, temos duas dicas principais. Primeiro, demonstre o quanto esses conhecimentos e o relacionamento de vocês é importante para você. Mostre que você está disposta(o) a modificar comportamentos que possam incomodar o seu parceiro(a) ou a recuperar comportamentos que ele(a) gostava e que você deixou de fazer. Fale para ele(a) o quanto você o(a) ama e o quanto deseja melhorar ou proteger a relação de vocês contra possíveis conflitos no futuro.

9b. IMPORTANTE! Explique também que, caso vocês estejam vivenciando alguns conflitos, essa tentativa pode prevenir que o problema piore. Seu parceiro precisa perceber que os conhecimentos e estratégias ensinadas no workshop serão importantes para vocês melhorarem a relação antes que os problemas acumulem. Pois é isso que acontece com diversos casais que acabam se separando: o acúmulo dos conflitos, críticas e mágoas acaba enfraquecendo o amor que um sente pelo outro. Ambos começam a ter impressão ou até a certeza de que não são mais amados e de que também não amam mais, o que acaba esfriando a relação e afastando o casal. Com o tempo a consequência pode ser uma relação infeliz e sem vida ou até uma possível separação.

10. Se mesmo assim seu parceiro não topar, tenha paciência. Espere um tempo para que ele(a) reconheça essa necessidade. Não insista demais e se possível, apenas aponte para ele(a) nos próximos dias, algumas das questões que poderiam ser melhoradas com o workshop. Se por exemplo, na semana seguinte vocês tiverem alguma discussão, utilize algum exemplo como alguma crítica que ele(a) fez a um comportamento seu, mostrando a ele(a) que esses conhecimentos poderiam te ajudar também a modificar estes comportamentos. Lembre-se de nunca apontar algum comportamento que você não aprova no seu parceiro(a), mas sim, algum comportamento que ele(a) não gosta que você tenha. Assim ele(a) começará a perceber , na prática do dia-a-dia, de que forma o workshop poderá ajudá-los e assim perceberá que ambos poderão ter muitos benefícios ao aprender o que será ensinado. Fazê-lo(a) perceber que o workshop realmente poderá fazer com que você modifique um hábito que o(a) incomoda com certeza poderá fazê-lo repensar a sua decisão.

11. Outra dica é que vocês assistam juntos a filmes que falem sobre o assunto como por exemplo o filme um Divã para Dois, que mostra como esposa conseguiu convencer o marido a participar de uma terapia de casal e, principalmente, como essa ajuda profissional os ajudou a resgatar sentimentos perdidos em anos de casamento (mesmo que o workshop não seja uma terapia, ele também visa a melhorar a relação).

12. Você também pode reforçar para ele(a) os diversos benefícios do workshop

Flyer Choices - Verso Final'

13. Agora, se mesmo após algumas semanas de reflexão e conversa o seu parceiro optar por não participar do workshop, a nossa sugestão é que você esclareça que os conhecimentos e as ferramentas de psicologia ensinadas no workshop os ajudarão a saber exatamente as causas dos principais dos conflitos que vocês tem vivenciado, ajudando-os assim a eliminar essas causas e a solucionar e prevenir estes conflitos, aumentando a satisfação de ambos com o relacionamento. Não custa tentar, afinal, se vocês não gostarem, basta pedir a devolução do dinheiro investido ( sim, confiamos tanto na nossa proposta que podemos lhes oferecer essa opção). Caso tenham mais dúvidas, fiquem à vontade para entrar em contato.

Para mais informações sobre o Workshop fale conosco ou clique aqui para acessar a página: Workshop Choices – Coaching para Casais.

Lhes desejamos felicidades.

Sobre a profissional
Cintia Fernandes | Terapeuta de Casais. Psicóloga especializada em Terapia de Casais. Atendimento presencial (consultório em Curitiba) ou online. Atendimento de Casais e de Adultos Individual. Parceria com Babá (caso necessário, possuo parceria com uma babá para cuidar dos seus filhos durante a sessão, e no mesmo local do atendimento - na recepção que fica dentro do consultório, com uma caixa de brinquedos). A recepção ficará trancada e a chave ficará apenas comigo, de forma que ninguém possa entrar ou sair, garantindo assim a segurança dos seus filhos e a sua tranquilidade). Graduação em Psicologia pela PUCPR - 2005. Formação em Terapia Sistêmica de Casais – Instituto de Terapia e Centro de Estudos da Família – INTERCEF. Formação em Terapia do Esquema pela Wainer Psicologia Cognitiva - NYC Institute for Schema Therapy. Curso de Terapia de Casais – Centro de Estudos Avançados de Psicologia – CEAP. Atendimento com abordagem multidisciplinar, incluindo as duas abordagens consideradas mais eficientes para a Terapia de Casais: a Cognitivo-comportamental e a Terapia do Esquema, incluindo alguns conceitos da Teoria do Apego, da Gestalt , da Psicologia Sistêmica e da Psicologia Analítica. Idealizadora e criadora do método "MASP Choices", que associa a renomada Metodologia de Análise e Solução de Problemas - MASP a diversas teorias de Psicologia e Comunicação, permitindo assim a aplicação desta metodologia na análise e resolução de conflitos dos relacionamentos amorosos, de forma simples, prática e eficiente. Criadora do Workshop Choices - Coaching para Casais (com base no método MASP-Choices, abordando as 15 áreas de conflitos mais comuns nos relacionamentos e as estratégias para amenizá-los). Palestrante. Fique à vontade para entrar em contato!

Envie o seu comentário

*